O Vinho Para a Pessoa Certa

O Vinho Para a Pessoa Certa

Para quem gosta de abrir as portas da sua casa a convidados, sejam estes familiares ou amigos, para degustar uma refeição ou simplesmente saborear um petisco, todos os pormenores são importantes.

Desde a(s) entrada(s) à(s) sobremesa(s) passando pelo prato principal, é importante haver harmonia nos cheiros e nos sabores, a que não é alheio, outro elemento essencial da mesa portuguesa, o vinho.

Um Elemento Essencial
É sobre o vinho que nos vamos debruçar, é um produto que permite grandes e acaloradas conversas, quer se discuta a origem (nacional ou estrangeiro, novo mundo ou tradicionais regiões demarcadas), as castas, as combinações com a comida (branco ou tinto), temperatura (temperatura ambiente, o que é?, da casa ou da adega), e muitos séculos de história.

O Equilibrio Entre Os Convidados e o Vinho
Porém, e no que hoje importa, vamos debruçar-nos sobre qual o vinho adequado aos nossos convidados. Assim, neste particular, deixamos algumas dicas que entendemos úteis, é fundamental conhecer a idade, os gostos e as convicções dos convidados relativamente ao mundo do vinho.

O Entendido
Para um convidado que seja verdadeiramente entendido em vinhos a tarefa está facilitada, provavelmente já conhece e experimentou muitos vinhos nacionais e estrangeiros pelo que ficará muito mais satisfeito em beber um vinho que seja novidade no mercado do que beber um vinho conceituado ou caro.

Uma novidade, uma produção limitada ou um lançamento vai permitir, com toda a certeza, uma animada discussão sobre o mesmo.

O Conhecedor
Quando o convidado se apresenta como sendo um conhecedor de vinhos, em regra, estamos perante o consumidor de “marcas”, pessoas que conhecem e consomem os vinhos mediatizados pela comunicação social, através de artigos e/ou guias da especialidade, neste caso a melhor oferta passa por apresentar vinhos mediáticos.

O Inexperiente
Se o convidado é jovem e pouco conhecedor de vinhos a oferta deve recair em vinhos simples, fáceis, aromáticos, mas com pouca ácidez.

O Experiente
Caso o convidado seja uma pessoa de mais idade, o elemento a destacar será o da origem do convidado, normalmente, há preferência pelos vinhos da sua região.

Ainda que assim não seja, será com certeza motivo para uma amena conversa, sobre o que está, ou não, bem, na sua produção, na distribuição ou mesmo na imagem, destaque e/ou publicidade.

Preparar para o Melhor
Tenham os seus convidados as características mencionadas ou outras, a escolha do vinho usando as nossas dicas só pode enriquecer o seu conhecimento, dos seus convidados, e dos vinhos, tornando o processo como que uma preparação para um convívio e conversa agradável.

Se a sua intenção é oferecer, também pode considerar juntar mais alguns elementos num cabaz 100% personalizado por si.

O nosso website facilita-lhe todo o processo de escolha através das categorias e informações existentes, experimente!